quarta-feira, 19 de agosto de 2009

GR 22 - Rota das Aldeias Históricas



Breve Introdução sobre o GR22:
“Rota das Aldeias Históricas” é um percurso de grande rota que une as dez aldeias históricas (Almeida, Castelo Mendo, CasteloNovo, Castelo Rodrigo, Linhares da Beira, Marialva, Monsanto, Piódão e Sortelha). Ao longo de toda a sua extensão (cerca de 540 Kms) percorre 17 concelhos da Beira Interior, abrangendo um total de 52 povoações. Num cenário de grande riqueza natural e atravessando três áreas protegidas (Parque Natural da Serra da Estrela, Parque Natural do Douro Internacional e a Reserva Natural da Serra da Malcata) este GR não esquece os saberes e os valores de um vasto património que caracteriza esta região. Antes de mais, como percurso de BTT, a “Grande Rota das Aldeias Históricas” pretende ser o meio pelo qual é possivel divulgar e dar a conhecer uma região que, pelas suas caracteristicas naturais e valores patrimoniais, é merecedora de uma visita e preservação.

Esta Rota de 540 Kms está pensada para ser feita em BTT em 7 longas etapas de cerca de 75kms cada uma.. num total de 12000m acumulado..
1.Linhares da Beira - Marialva do Castelo
2.Marialva Do Castelo - Castelo de Rodrigo
3.Castelo Rodrigo - Sortelha
4.Sortelha - Monsanto
5.Monsanto - Castelo Novo
6.Castelo Novo - Piodão
7.Piodão - Linhares da Beira


K2BTT TEam

Foi nos dias 8, 9 e 10 de Agosto.. que eu (Joaquim Pereira), o Fernando Silva e o Vasco Sousa iniciamos a nossa epopeia de BTT de 3 dias!.. tinhamos no entanto decidido percorrer 5 das 7 etapas mas em 3 dias!... diga-se que foi uma boa decisão.... não fizemos as etapas 6 e 7... estas serão percorridas num futuro fim de semana ..são mais de 140Kms com 5600m desnível...

Remetendo então para o nosso percurso, este foi assim dividido:
Dia1: Linhares da Bbeira - Figueira de Castelo Rodrigo (125ms...2250m acumulado)
Dia2: Figueira de Castelo Rodrigo - Sortelha (135Kms ...1950m acumulado)
Dia3: Sortelha - Castelo Novo (140Kms ....2450m acumulado)


JoaquimP, 'sobre o trilho'

Vindos de Santa Maria da Feira (Joaquim Pereira), Oliveira de Azeméis (Fernando Silva) e Aveiro (Vasco Sousa) para combinarmos a logística necessária bastou a troca de 2 telefonemas e 2 e-mails e no dia certo à hora certa lá estávamos no ponto e partida... Junto ao castelo de Linhares da Beira.

DIA1: Linhares da Beira - Figueira de Castelo Rodrigo
Começou o dia cedo... ás 7:00am estava a sair de casa (Santa Maria da Feira) a caminho de Oliveira de Azeméis... aí chegado teria de passar as minhas coisas para o carro do Fernando, carro esse que nos levaria até ao ponto de partida.. o meu carro seria usado 2 dias mais tarde para nos ir buscar a Castelo Novo (tarefa incumbida ao Rui Miranda - o meu sempre prestável e simpático Primo)... Bikes bem aconchegadas sapatos SPD, capacete, GPS.... Rumo a Linhares ...tudo parecia estar a correr bem.. não fora à chegada ter detectado que a minha mochila de viagem (camelback) tinha ficado no meu carro em Oli. Azeméis.... "Grande Galo"... os meus pertences lá ficaram os GPS's estavam connosco e o meu material necessário para pedalar tb...levei uma pequena mochila (Decathlon) oferecida à 2 anos na Maratona do Mondego... sendo que o mais falta fazia era a nutrição que tinha preparado para 3 dias... haveria que distribuir a nutrição existente entre os 3....

Fernando 'o verdadeiro rider'
Precalço vencido ás 9:30 partimos... 1h depois da hora prevista... 'No Problema'.... Tomado contacto com o Track no GPS... tivemos alguma dificuldade em nos posicionar sobre o trilho... mas nada que nos faça tombar.. e lá avançamos..directos á... Carrapichana...Em breve estavamos familiarizados com o Track vs trilho no terreno... sendo que diversas vezes o Track afastava-se das marcações/balizas (brancas e vermelhas) existentes no terreno...
Em breve estávamos com Trancoso á vista!... depois de uma excelente subida no interior de um vale, com o calor a apertar sobre nós... o cheirinho a vegetação de VERÃO lá chegamos ao alto, do nosso lado esquerdo.. estava Trancoso... trilha-se caminho... agora no alto a progressão é mais fácil... e assim foi... rumo a Marialva por estradões de perder de vista..lá ao fundo Marialva... estávamos ainda frescos.. mas o calor apertava...tinhamos tb fome mas o Objectivo era almoçar em Marialva.. e assim foi ao 65km lá estávamos..antes de trepar atá ao cimo...a prioridade era comer... e assim fizemos... Só depois subimos ao cimo do Castelo de Marialva... Bem haja à preservação das Aldeias Históricas..Lindo.. Granito com Força...
Vasto planalto, ao fundo Marialva do Castelo
Marialva do Castelo

Rumo a Figueira de Castelo Rodrigo.. estavamos a meio percurso.. e o calor apertava de fartura..... dificultando-nos a progressão.. na zona da aldeia de Juízo foi onde nos sentimos pior (16h:30m)...à mistura com algumas dificuldades em seguir o track...a partir do 90km fomos em direcção a Cidadelhe..tinhamos o Vale do Côa pela frente...que descida... de dar vertigens... lá no fundo deparamo-nos com uma subida vertiginosa também..uma autêntica parede!.. mas claro que foi vencida...UPA..UPA... "movido a carvão"..
Vale do rio Côa

Daí até Fig. Castelo Rodrigo.. faltavam uns 20Kms... paragem em Freixedo do Torrão para uns panachés e para ser mordido por uma vespa..Arre que doeu... Chegamos a Fig.Castelo Rodrigo!... estavamos com 125ks feitos... Fomos para a Residencial.. bikes arrumadas e banhos tomados..Jantamos espectacularmente... Estavamos a precisar !... Descansar precisa-se.

'Pausa à chegada a Figueira de Castelo Rodrigo'
video
O video do GR22 dia1 ao som de Matrix

DIA2: Figueira de Castelo Rodrigo - Sortelha

Noite bem Dormida!... embora o corpo pedisse mais cama.. a mente mandava levantar… a alvorada foi ás 7:30am… a manhã estava clara e limpa.. Saimos de Figueira de Castelo Rodrigo ás 9:00am, lá no alto a Aldeia Histórica de Castelo Rodrigo, cedo a primeira subida do dia durante a qual surgiu o primeiro precalço do dia!... um furo.. coisa normal… (no dia anterior tinhamos tido um furo). Chegados ao alto e ás portas de tão bonita fortaleza comenta-se a subida como se de castigo se tivesse tratado…hehehehe. Comentários sobre Castelo Rodrigo basta este: qualquer um de nós não deve perder a oportunidade de visitar tal maravilha!... fomos pedalando pelas calçadas bordejadas por vasos e canteiros de coloridas flores… A torre sineira junto à entrada do Castelo é uma gota de tinta branca na imensidão dos tons cinzento e castanho da pedra que constitui este belo cenário!...
Castelo Rodrigo, 'Torre sineira'

Descemos calçada abaixo em direcção ao Convento de Santa Maria do Aguiar!.. o trilho leváva-nos agora para um imenso planalto um tanto monótono. Ao longo dos kms cruzamos rebanhos de gado, propriedades vedadas (tinhamos que abrir e fechar as cancelas), manadas de vacas, de quando em vez passavamos por aldeias… foram quase 40kms até começarmos a ver ao longe a bonita Vila de Almeida. Entramos pela Porta de São Francisco, impressionados com a beleza e arrumação da povoação.. esta é cercada por uma muralha em forma de estrela..todos nós sabemos.. vale a pena chegar ali respirar calcorrear as calçadas, neste caso pedalando, sentir que estamos ali..chegamos. Era o momento para parar numa esplanadadescansar e comer… umas deliciosas sandes com umas coca-colas fresquinhas..Que boa é a vida!... Paragem sem pressas, fotos tiradas… revisão aos próximos kms a fazer: tinhamos agora uma boa descida para o vale do Côa seguida de uma subida de uns 5kms.. tá-se bem!... borá lá

'Aos S's entre fragas de Granito até ao leito do Côa'

Descemos calçada abaixo em direcção ao Convento de Santa Maria do Aguiar!.. o trilho leváva-nos agora para um imenso planalto um tanto monótono. Ao longo dos kms cruzamos rebanhos de gado, propriedades vedadas (tinhamos que abrir e fechar as cancelas), manadas de vacas, de quando em vez passavamos por aldeias… foram quase 40kms até começarmos a ver ao longe a bonita Vila de Almeida. Entramos pela Porta de São Francisco, impressionados com a beleza e arrumação da povoação.. esta é cercada por uma muralha em forma de estrela..todos nós sabemos.. vale a pena chegar ali respirar calcorrear as calçadas, neste caso pedalando, sentir que estamos ali..chegamos. Era o momento para parar numa esplanada, descansar e comer… umas deliciosas sandes com umas coca-colas fresquinhas..Que boa é a vida!... Paragem sem pressas, fotos tiradas… revisão aos próximos kms a fazer: tinhamos agora uma boa descida para o vale do Côa seguida de uma subida de uns 5kms.. tá-se bem!... borá lá
K2BTT Team

Descemos e passamos sobre a ponte Romana, o Coâ ficava a correr e a subida era nossa de tal forma que parecia não acabar, o calor apertava naquela altura, seriam umas 13:00pm… passamos pelas aldeias de Ansul, Leomil, atravessamos a A25.. para chegarmos á Aldeia Histórica de Castelo Mendo, fizemos uma entrada fugaz na aldeia mas sufuciente para nos apercebermos que apesar de pequena Castelo Mendo faz justiça à sua fama de ser bela.. destaco o espectacular Pelourinho ´Manuelino’ e toda a zona do Castelo.. em ruínas é certo mas está lá!... À saída de Castelo Mendo esperáva-nos uma espectacular até o leito do rio Coâ (mais uma vez lá estava ele)..ao S’s num caminho de terra entre fragas de granito, foram uns espectaculares 4 kms sempre a descer até ao fundo vale… de quando em vez lançavamos o olhar e lá estava Castelo Mendo e a sua muralha… boredejada pela cor verde da vegetação e cinzenta do granito… Chegados lá abaixo cruzamos o rio numa zona ampla.. que parecia ser ponto de veraneio… seguimos caminho… a subida foi suave mas longa… chegado ao topo tinhamos uma longo planalto a percorrer… Não sei ao certo.. mas foram quase 2 dezenas de kms em estradão largo, até à Rebolosa!..

Para esta subida não foi preciso muito esforço :)
Estavamos a 20kms do Sabugal e a uns 35 da Sortelha!... tinhamos 100Kms feitos… Chagados ao Sabugal paragem para uma apetecívél caneca de panaché..soberbo… refrescante e bom..esplanada.. subida ao Castelo as fotos da prache. Eram 18:00 o Sol estava numa posição preveligiada e batia nas paredes do Castelo propocionando umas cores fantásticas…veja-se as fotos…Rumo á Sortelha.. o nosso ponto de chegada deste segundo dia!... Foi rápido, não seguimos pelo trilho fomos por estrada até á Sortelha..no dia seguinte o início da etapa era coicidente e teriamos a possibilidade de o percorrer. No caminho para a Sortelha do nosso lado esquerdo estava a Serra da Málcata que seria também local de passagem no dia seguinte…Foi bom chegar ao destino… 135kms foi dose (1950m acumulado).. a Casa da Cerca esperava por nós… Bem recebidos fomos… retemperamos forças com um banho e fomos jantar…
Sortelha, 'enfim chegados'
video
Não deixem de ver o Vídeo GR22 dia2

DIA3: Sortelha - Castelo Novo
Saídos da Casa da Cerca, situada no arrabalde, subimos até à zona histórica da Sortelha…excelente cenário nos propociona esta bela Aldeia Histórica.. não é para estranhar que seja não raras vezes utilizada como cenário para anúncios e filmes de realizadores nacionais e estrangeiros.. mas sem perder em pormenores.. a hora da visita é excelente são 9:00am não há turistas e raras são as gentes na rua… o sol é refletido nas paredes empedradas e dá uma tonalidade dourada ás paredes cinzentas!.... Visite-se e saboreie-se.
Sortelha
Rumo à Málcata!.. a saída sa Sortelha é a subir.. tomamos o trilho que é sombreiro, foram cerca de 15 Kms a subir até aos geradores eólicos da por entre pinheiro e carvalho!... depois disso o trilho é feito em pinhal e com um forte cheiro às giestas de Verão, perdoem-me os entendidos não sei se são gietas mas que o jeirinho é bom e lembra o Verão não tenho dúvidas… sempre a descer até uma albufeira de Miemão em plena Reserva Natural da Serra da Málcata no concelho de Penamacor!... Neste início de dia paramos algumas vezes e não estavamos a avançar muito no terreno!... a determinada altura com saimos do trilho por engano e entramos num terreno extremamente poeirento… tratava-se de um grande terreno que estava a ser preprado para uma qq plantação foram 1 kms a pedalar nestas condições… terrívél com o pó pela altura dos pedais!.. valeu-nos um amável morador que nos disponibilizou mangueira e água fresca para bebermos e lavarmos as ‘montadas’

Vasco, 'de onde vens.. e para onde vais...'
Com 38kms feitos fizemos uma decidida paragem para comer… na Meimoa.. a partir daqui avançamos verdadeiramente no terreno… já próximos de Penamacor rolamos pela estrada alguns quilómetros (trilho) saídos da estrada entramos numa zona de eucaliptos depois de subir um pouco seguimos um caminho ligeiramente a descer.. foram alguns kms a boa velocidade.. até à estrada, Penamacor ao nosso lado direito ficou para trás.. o nosso próximo destino era Monsanto.. aldeia sobre um monte que já se avistava lá ao fundo!...

Marcações do GR22

Monsanto a mais bela e mais portuguesa de todas as Aldeias…. Bem pedaláva-mos mas o nosso destino tardava a ser alcançado!... o monte esse estava sempre à vista ..bem destacado no meio de um planalto…. Sempre por caminhos, o trilho era seguido..os kms somavam-se e o astro Solar sobre os nossos capacetes não nos dava descanso… não corria brisa e o calor era intenso!.. o monte estava mais perto mas mesmo assim ainda tardava a ser alcançado, a fazer lembrar o monte St. Michael da Normandia francesa plantado no meio do mar… que me perdoem mas Monsanto é muito mais bonito…

'A bela Monsanto'
Bom chega de suspense… abordamos Monsanto por estrada, de acordo com as marcações, uma subida ingreme nos esperava.. foram uns 6 kms sempre a subir com percentagens de 10..15%..non stop até á torre emblemática da Aldeia!... Arre que esta foi dura!... Impecável… depois de nos passearmos calmamente pelas ruas da aldeia.. subimos à ‘Taverna Lvsitana’ e fomos banqueteados no terraço panorâmico com umas sandes fabulosas… some-se as vistas… para um lado Penha Garcia – Monfortinho – Espanha e para o outro todo o planalto até A Serra da Gardunha…. Lá ao Fundo o nosso destino Castelo Novo a 55Kms... veja-se as fotos.. Descemos Monsanto por um caminho empedrado.. que fora a subir seria tramado!... segue-se as marcas no terresno mas sai-se fora do track do GPS, ao chegar cá abaixo vai-se ao encontro do tracK. Reparo ao fazer zoom out no GPS que vamos fazer um longo desvio ao caminho!... Decide-se então atalhar para Idanha-a-Velha.. apanha-se o trilho um pouco mais à frente e poupa-se 10Kms de viagem… Entra-se em Idanha-a-Velha para uma visita rápida…temos que rolar são 16:30pm.. está calor ainda e temos longos kms a fazer ainda…
'Castelo Novo..o final do desafio'

Avança-se rápido no trilho até Proença-à-Velha… estamos com 120kms..pára-se para refrescar com uma bebida fresquinha.. na esplanada os habitantes locais discutem a presença dos geradores eólicos nos topos da montanhas – opiniões… Um de nós está fraco, temos que manter a chama acesa..uma dose de xarope energético tem o poder de ressuscitare rápidamente e põem-nos a rolar pela estrada a 35-40kms/h.. está-se bem!... nesta altura proavança-se rápido no terreno!... Castelo Novo está perto, antes 12kms perdemo-nos um pouco do trilho.. mas a vontade de acabar é muita.. logo que o trilho é alcançado volta-se a progredir forte…. Está lá em cima, a subida é longa e inclinada..nem uma matilha de cães com mau feitio nos fazem parar!..bem pelo contrário aceleram-nos a pedalada!.... chegamos com 140kms feitos e 2450m acumulado…
No Total foram 400Kms e 6650m acumulado em 3 dias.. puro BTT… diversão… companheirismo… partilha… prazer…Amizade.

BFOUR K2BTT..'ao melhor nível'

Esperáva-nos o Rui, o meu simpático e sempre prestável primo!... Veio de Oliveira de Azeméis recolher-nos a Castelo Novo para de seguida nos conduzir a Linhares da Beira.. Não há palavras MUITO OBRIGADO.. Na praia fluvial onde nos esperava para comemorar saborea-mos umas quantas ‘minis’ entremeadas por um banho frio para retemperar os músculoas das pernas.. Seguiu-se um jantar.. após o qual tínhamos uma longa viagem de carro a fazer!...
O Rui Miranda o meu incansável primo, eu mesmo o Vasco e o Fernando
video
Para finalizar o video de GR22 dia3
Bem Haja
K2BTT
‘sempre a pedalar por um trilho diferente

3 comentários:

NANDO_BTT disse...

Malta... Que saudades... Valeu... Preparem-se que para breve fazermos as duas etapas que faltam, Castelo Novo-Piodão-Linhares. Serão 200km e 4000m de acumulado. Só para aquecer... :)

vasco disse...

Bem...marquem lá a incursão de preferência antes deste Inverno

BruMau disse...

Ui que eu estou roídinho de inveja de vocês... que espectáculo, excelente post, boas fotos e belo texto a contar o relato das vossas aventuras. Isso é que é dar ao crank :)Depois passam por nós no Geo, pois está claro que sim, eheheee...